O Jornal de Peniche ***************** Notas das últimas publicações

.posts recentes

. N.º 1284, de 24 de Agosto...

. NÚMERO ESPECIAL - FESTA D...

. N.º 1281, de 13 de Julho ...

. N.º 1280, de 22 de Junho ...

. FALECEU MONSENHOR MANUEL ...

. 1279 - 8 de Junho de 2010

. BETO

. Nº. 1278, de 25 de Maio d...

. N.º 1277, de 11 de Maio d...

. N.º 1276, de 27 de Abril ...

. N.º 1274, de 23 de Março ...

. N.º 1273, de 9 de Março d...

. 1272, de 23 de Fvereiro d...

. N.º 1271, de 9 de Feverei...

. 1270, de 26 de Janeiro de...

. 1267-1268-NATAL:

. Resultados de todas as el...

. ELEIÇÕES LEGISLATIVAS

. ELEIÇÕES - 7-6-2009:

. ECOS E NOTAS

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Março 2007

. Novembro 2006

.CONTADOR

..

Advogados
A VOZ DO MAR - Visitas

.QUINZENÁRIO REGIONALISTA.

- - - - -- Propriedade da Fábrica da Igreja Paroquial da Freguesia de Ajuda da Cidade de Peniche - - - - = = = = = = = = = Rua D. Luís de Ataíde, 19 1º Dto. = = = = = = = = - -- - - - - - - - - Telef e Fax 262 783 900 - - - - - - - - - - - - - = = = = = = = = 2520-428 PENICHE = = = = = = = = avozdomar@sapo.pt

================================

Terça-feira, 13 de Março de 2007

ECOS E NOTAS

 

 

ECOS E NOTAS

240 PRAIAS COM BANDEIRA AZUL NA PRÓXIMA ÉPOCA BALNEAR

PENICHE MANTÉM SEIS BANDEIRAS AZUIS

Portugal vai ter mais 14 zonas balneares a hastearem este ano a bandeira azul. O símbolo de qualidade atribuído anualmente pela Associação Bandeira Azul da Europa vai contemplar 240 praias, contra 226 no ano passado. O galardão será visto também em 15 marinas, uma a menos do que em 2009. O concelho de Peniche irá manter as seis Bandeiras Azuis atribuídas em 2009.

No distrito de Leiria, são nove as praias que vão hastear a Bandeira Azul. Seis são do concelho de Peniche (Baleal Norte, Baleal Sul, Cova de Alfarroba, Gambôa, Supertubos e Consolação). As restantes praias são dos concelhos de Caldas da Rainha, Pombal e Nazaré.

«Temos este ano um número recorde de 240 praias, mais 14 do que no ano passado, o que é muito significativo. Depois do Inverno que tivemos e depois de tudo o que aconteceu na Madeira conseguimos manter este número recorde», afirmou o presidente da Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), José Archer, no passado dia 6, altura em que foi divulgada a lista das praias que vão hastear o galardão. Para este responsável, este número recorde de praias com Bandeira Azul deve-se à preocupação de todos os portugueses em preservar a orla costeira. «Há uma preocupação das entidades no investimento e nas infra-estruturas que colocam nas praias, dos concessionários na forma como gerem as praias e das pessoas na forma como as utilizam», afirmou.

Este ano, a região norte vai hastear 56 Bandeiras Azuis, mais 13 do que no ano pasado. O centro terá 19 bandeiras, mais uma do que em 2009, devido à reentrada da praia de Esmoriz. A região do Tejo registou uma descida, com menos 11 bandeiras atribuídas em relação ao ano passado, devido à saída de três concelhos: Sintra, Cascais e Figueiró dos Vinhos. No Alentejo há 23 praias, mais duas do que em 2009, devido à reentrada da Fonte do Cortiço e Califórnia.

O Algarve continua a ser a região com maior número de Bandeiras Azuis, tendo sido contempladas 69 praias, mais 15 do que em 2009, e é também a região que mais aumentou o número de praias atribuídas com bandeira azul. Na Madeira, apesar dos danos causados pelas derrocadas, o número de Bandeiras Azuis diminuiu em cinco nas praias e uma em marinas, tendo um total de 16 praias contempladas. Os Açores foram a única região que manteve o número de praias com bandeiras Azul, 28.

As Bandeiras Azuis são atribuídas anualmente a praias e portos de recreio que cumpram um conjunto de critérios de natureza ambiental, de segurança e conforto dos utentes, informação e sensibilização ambiental.

Consignação da empreitada e início dos trabalhos de construção do Centro de Alto Rendimento de Surf de Peniche decorreu no passado dia 22 de Abril

JÁ ARRANCOU A CONSTRUÇÃO DO CAR SUF

Catorze meses depois do lançamento da primeira pedra, arrancou finalmente a construção do futuro Centro de Alto Rendimento de Surf de Peniche. A assinatura do acto de consignação da empreitada de construção deste equipamento teve lugar no passado dia 22 de Abril.

Esta obra, cuja construção está a cargo de empresa Policon, S.A., está orçada em 1.346.918,55 euros, dos quais 740.251,88 euros provêm do orçamento do Município de Peniche, sendo os remanescentes 606.666,67 euros assegurados por co-financiamento comunitário, através do Programa Operacional Valorização do Território. Os trabalhos da referida empreitada foram iniciados no dia 26 de Abril de 2010 e prolongar-se-ão por 10 meses.

Este equipamento será composto por três áreas distintas: uma zona residencial, uma área polivalente e uma área comum /social. O conjunto de edifícios e restantes estruturas que integram o CAR Surf de Peniche serão construídos predominantemente em madeira, prevendo-se ainda instalação de um pequeno centro de interpretação ambiental vocacionado para a sustentabilidade e protecção dos recursos naturais.

A zona residencial, com capacidade para 30 pessoas, será composta por 7 quartos, 2 instalações sanitárias, 1 área técnica e 1 área para arrumações. A área Comum/Social será composta por espaços técnicos privados para os atletas e equipas, e outros de livre acesso, incluindo uma área destinada à instalação da sede de uma associação desportiva local.

A Área Polivalente consistirá numa zona multidisciplinar em piso natural, direccionada para a ocupação de tempos livres, realização de actividades físicas, jogos e animações. Esta área poderá ser também utilizada para colocação de tendas que permitam aumentar as capacidades do equipamento de acordo com necessidades pontuais.

De acordo com as exigências de funcionamento do equipamento, foi assinado um protocolo cooperação entre o Município de Peniche e a Escola Superior de Desporto de Rio Maior – Instituto Politécnico de Santarém em Janeiro de 2009, que estabelece as condições de ao nível do apoio técnico e operacional das actividades a desenvolver no Centro de Alto Rendimento de Surf de Peniche. Prevê-se assim a colaboração dessa instituição de ensino superior nos domínios da formação, da investigação, do desenvolvimento e da promoção do Surf, bem como na realização de estágios profissionais e na dinamização de actividades.

O Centro de Alto Rendimento de Surf de Peniche, no qual irá ser instalada a sede do Península de Peniche Surf Clube, encontra-se integrado na respectiva rede nacional, cumpre todas as exigências e requisitos técnicos e visa fomentar o alto rendimento nos desportos de ondas, através da construção de um equipamento desportivo de referência, que assegure a criação de condições indispensáveis à promoção da excelência desportiva, numa localização com características e potencialidades ímpares.

De acordo com o Município de Peniche, a construção do CAR Surf de Peniche, “é um dos resultados visíveis das décadas de aposta, dedicação e especialização do concelho no fomento dos desportos náuticos em geral e do surf em particular, os quais representam um dos principais recursos endógenos locais, capaz de distinguir Peniche face a qualquer outro destino turístico e de surf à escala global”.

MIA 2010 ENCONTRO DE MÚSICA IMPROVISADA EM ATOUGUIA DA BALEIA

ORGANIZAÇÃO ESPERA MAIS DE DUAS DEZENAS DE MÚSICOS PORTUGUESES E ESTRANGEIROS

Vai realizar-se nos próximos dias 29 e 30 de Maio, em Atouguia da Baleia, o 1º Encontro de Música Improvisada de Atouguia da Baleia - MIA 2010 – no Auditório da Sociedade Filarmónica.

O evento pretende organizar-se em torno de duas vertentes – artística e pedagógica – e acolherá diversos concertos, um workshop e um colóquio dedicados à área da experimentação e da inovação no campo da criação musical.

A organização espera a participação de mais de duas dezenas de músicos portugueses e estrangeiros, incluindo alguns dos nomes que marcam presença habitual no actual panorama da música improvisada e electroacústica no nosso país. Entre os convidados irá estar o trompetista alemão Johannes Krieger  que orientará um workshop sobre improvisação livre, aberto a todo o tipo de instrumentistas e experimentadores e decorrerá na tarde de 30 de Maio.

No dia da abertura do Encontro, 29 de Maio, terá lugar a realização de um colóquio/debate com a participação do jornalista e escritor Rui Eduardo Paes com larga experiência no acompanhamento das linguagens musicais vanguardistas. Segundo a organização, “este Encontro assume-se naturalmente como uma proposta arrojada, dado o seu carácter inédito na tradição da zona, mas pretende também ser um primeiro impulso para a sua continuidade no futuro como movimento enriquecedor da cultura desta vila histórica da região Oeste, no concelho de Peniche”.

O evento foi apresentado à comunicação social no passado dia 3, na Sociedade Filarmónica União 1º de Dezembro, em Atouguia da Baleia, numa conferência de imprensa em que participaram António Salvador, presidente da Junta de Freguesia de Atouguia da Baleia, Afonso Clara, responsável da Sociedade Filarmónica e Paulo Chagas, do PREC- Projecto Ressonante Criativo.

De referir que o PREC - Projecto Ressonante Experimental Criativo - "banda residente" é um projecto de “Música improvisada numa abordagem electro-acústica que percorre os caminhos do free-jazz e do avant-garde entre outros. A linguagem é a das fusões contemporâneas e desenvolve-se utilizando material proveniente do imaginário musical dos intérpretes, onde coabitam, em sucessivos flashes e de forma por vezes paradoxal, as estruturas caóticas e as soluções de referência”.

 Esta formação iniciou a sua actividade em 2008 no Festival Gouveia Art Rock, sendo constituída pelos músicos Paulo Chagas: saxofones, clarinetes, oboé, flauta; Fernando Simões: trombones, objectos; Paulo Duarte: guitarras; Mário Rui: electrónica, video-art e Paulo Ramos: voz, poesia. Deste projecto resultou já o álbum "Contageous Insanities" (A Beard of Snails, 2009) e o álbum "Easy listening" (Modisti, 2010).

No primeiro dia do evento, sábado, estão previstos dois concertos ao final da tarde (grupo e grupo 2) e a partir das 22 horas, um colóquio com Rui Eduardo Pães. A noite encerra com um concerto do PREC.

No domingo, dia 30 Maio, a partir das 15 horas tem lugar um workshop com Johannes Krieger , uma visita guiada pela vila com roteiro histórico, três concertos (grupos 4,5 e 6) e um concerto com o grupo Workshop. A partir das 20 horas realiza-se o concerto final do Ensemble MIA, estando a sessão solene de encerramento agendada para as 23 horas.

 

 

tags:
publicado por mispeniche às 18:48
link do post | comentar | favorito
|

.OBRIGADO PELA SUA VISITA

...VOLTE SEMPRE... VOLTE SEMPRE... CONTAMOS CONSIGO ... VOLTE SEMPRE...VOLTE SEMPRE...

.mais sobre mim

blogs SAPO

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.links

.ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

------------- ESTATUTO EDITORIAL ----------- ---------DE --------------------------------- "A VOZ DO MAR": --------------- 1 - A VOZ DO MAR, propriedade da Fábrica da Igreja Paroquial da Freguesia de Nossa Senhora da Ajuda da Cidade de Peniche é um quinzenário regionalista que defendendo os interesses deste concelho igualmente faculta as suas colunas a regiões vizinhas (em especial a zona do litoral oeste onde se encontra) que julguem oportuno utilizá-las para idêntico fim. ----------- 2 - Órgão apartidário, de inspiração cristã, procura ser uma presença construtiva dentro da sociedade portuguesa na convicção de que a evolução desta e a consequente eliminação de situações de injustiça que a afectem será encontrada por via pacífica no diálogo aberto, livre e responsável que as diferentes correntes de opinião em tal empenhadas saberão com honra e dignidade travar entre si, diálogo esse que jamais perderá de vista quanto se preconiza na "Declaração Universal dos Direitos do Homem". ---------------- 3 - Dentro da acção formativa e informativa a que se propõe e desenvolvendo-se esta à luz da «Declaração» já referida, o nosso jornal mantendo-se atento aos problemas de âmbito local acolherá igualmente com o maior carinho toda a colaboração de interesse geral onde seriamente, com isenção e objectividade, se analisem actos e medidas de governantes e governados ou se reflicta sobre temas de Religião, de Economia, de Política, de Cultura, de Desporto. ------------------------------- 4 - Em conclusão A VOZ DO MAR assume o compromisso de respeitar os princípios deontológicos e a ética profissional inerentes à prática dum jornalismo digno. --------------------- (De harmonia com o publicado no n.º. 441)

.subscrever feeds